terça-feira, 7 de setembro de 2010

Regionalização brasileira...

Divisão regional do Brasil de acordo com o IBGE


    Em 1938 é criado o IBGE ( Instituto brasileiro de geografia e estatísticas) com o objetivo de ter dados mais precisos sobre a população brasileira, porém viu-se a dificuldade de ter dados exatos, pois o país é extenso e a partir daí, veio a necessidade de regionalizar. Mas o que é regionalizar? Regionalizar é dividir o espaço ou território em unidades de área que apresentam características que as individualizam ou as diferenciam.
    Em 1942, o IBGE fez sua primeira regionalização, e como critérios estabelecidos utilizaram os elementos naturais ou físicos (clima, relevo, vegetação, solo, hidrografia etc...) Assim, a primeira divisão regional do Brasil ficaram em cinco grandes regiões ou macrorregiões: Norte, Nordeste, Leste, Sul e Centro-Oeste.
     Porém essa regionalização não correspondia a realidade, pois, para essa demarcação foram utilizadas fronteiras administrativas entre os estados brasileiros, e como você sabe, o clima a vegetação não obedecem os limites criados pelo homem. Exemplo: A caatinga, vegetação típica do Nordeste brasileiro ultrapassa a região Nordeste e pega parte norte de Minas Gerais, outro exemplo ainda é a floresta amazônica que passa ao maranhão e mato grosso.
    A partir destas analises, em 1970, foi novamente regionalizado o espaço brasileiro, ligado agora aos aspectos históricos econômicos e sociais. Nesta etapa foi eliminado o Leste e acrescentado à região Sudeste.

Depois disto ocorreram divisões de estados incorporados na ultima regionalização, em 1990:

* O Mato Grosso foi dividido e surgiu o estado do Mato Grosso do Sul, em 1977;
* Em 1988, o estado de Goiás também foi dividido e deu origem ao estado do Tocantins. Goiás era e é um estado da região Centro Oeste, mas Tocantins passou a integrar a região Norte.
* Com o fim dos territórios nacionais, Amapá, Rondônia e Roraima foram elevados à categoria de estados nacionais e Fernando de Noronha, que era território, passou a pertencer ao estado de Pernambuco, em 1988.
* Em 1974, o governo militar unifica os estados do Rio de Janeiro e Guanabara, formando o atual estado do Rio de Janeiro.
    Podemos dizer que as divisões regionais de um país resultam de sua formação histórica. Dela decorrem os fatores econômicos, sociais e culturais que caracterizam uma região.
     O IBGE, por ser um órgão oficial brasileiro encarregado pelo levantamento de dados estatísticos sobre população, agricultura, pecuária, indústria e outras informações necessárias aos governantes para planejar suas ações, utiliza os limites administrativos dos estados para demarcar as regiões.
    Embora existam diferenças naturais em um determinado espaço territorial, as diversidades regionais de um país resultam de sua formação histórica. Dela decorrem os fatores econômicos, sociais e culturais, que caracterizam uma região.



Complexos regionais ou regiões geoeconomicas

    Em 1967, o geógrafo Pedro Pinchas Geiger propôs a divisão regional do Brasil, utilizando como critério características históricas e econômicas. Desta forma, o Brasil poderia ser dividido em três regiões geoeconomicas: Centro-Sul, Nordeste e Amazônia. Destaca-se que esta divisão em complexos regionais não considera as divisões administrativas dos estados brasileiros. Observe que vários estados estão em dois complexos regionais, como é o caso de Mato Grosso, Tocantins, Maranhão, Bahia e Minas Gerais.
   Cada uma das três regiões apresenta características históricas e socioeconômicas diferentes. A Região Centro-Sul é a de maior concentração populacional e a mais desenvolvida economicamente. O Nordeste é o conjunto espacial de ocupação mais antigo do Brasil, e a Amazônia representa a região menos povoada.


Quatro Brasis

      Nem cinco, nem três – quatro Brasis. A regionalização sugerida por Milton Santos e Maria Laura Silveira pretende registrar a difusão diferencial do meio técnico-científico-informacional. A idéia da regionalização concentrada não é nova. O próprio Milton Santos sugeriu o uso da denominação em 1979. a novidade está na elucidação do conceito pela sua conexão implantada das infra-estruturas e das redes que veiculam a revolução tecnocientífica.
    A região Concentrada caracteriza-se pela densidade do sistema de relações que intensifica os fluxos de mercadorias, capitais e informações. O seu núcleo é a metrópole paulista, que desempenha funções de cidade global e reforça o comando sobre o território nacional. A soldagem do Sul e Sudeste reflete a descentralização industrial recente e a implantação de infra-estruturas técnicas que a sustentam.
    O Centro-Oeste emerge como área de ocupação periférica, fundada na especialização agropecuária e na modernização subordinada as necessidades das firmas que tem sede na Região Concentrada. O estado de Tocantins, estranhamente deslocado para a região Norte pela constituição de 1988, reincorpora-se ao Centro-Oeste.
   O Nordeste defini-se pelo peso das heranças: ”é uma área de povoamento antigo onde a constituição do meio mecanizado se deu de fora pontual e pouco densa”. A rugosidade do espaço geográfico retarda os fluxos. A instalação das infra-estruturas e redes informacionais realiza-se de modo descontínuo, “sobre um quadro socioespacial praticamente engessado”.
   A Amazônia caracteriza-se pela rarefação demográfica e baixa densidade técnica. Os sistemas informacionais aparecem como formas externas, representadas, por exemplo, pelos satélites e radares do Sivam. Os grandes projetos estruturam enclaves, isolados num meio pré-mecânico. O maranhão, conectado ao Projeto dos Pólos de Alumínio, poderia ser incluído na Amazônia, mas misteriosamente os autores prefeririam conserva-lo no Nordeste.
   A nova proposta de divisão regional é uma síntese sedutora de um discurso geográfico sobre o Brasil e a globalização. O seu ponto de partida é o anacronismo dos discursos elaborados há mais de três décadas.

                                                              Exercícios

1) Dê nome da região ou das regiões:

a) Que se limita com todas as outras regiões. ____________________________________
b) Que não tem litoral. ______________________________________________________
c) Com maior número de estados.______________________________________________
d) Onde se encontra o estado que você mora._____________________________________
e) Em que todos os estados são banhados pelo oceano.______________________________
f) Limita-se com os países da América do sul. ____________________________________
g) As regiões que não apresentam fronteiras com os países estrangeiros. ________________
h) A região na qual se situa o distrito federal.______________________________________
i) A única região cortada pela linha do equador. ___________________________________

2) Complete:

a) A região _________é a que apresenta fronteiras com o maior número de países estrangeiros, que
são: ___________________________________________________________________________.

b) O _____________________________________________(IBGE) , órgão federal encarregado da coleta e sistematização de dados estatísticos a respeito dos mais diversos aspectos econômicos e sociais do pais, é responsável pela divisão do Brasil em cinco macrorregiões: _____________, _____________, ________________, ________________e _____________.

c) Os dois estados brasileiros que se limitam com o maior número de regiões são, _________________e _________________.

d) Em 1967, o geógrafo Pedro Pinchas Geiger propôs a divisão regional do Brasil utilizando como critério características _____________________,e ________________. Desta forma o Brasil poderia ser dividido em três regiões geoeconômicas: __________________, _____________e ___________.

3) Responda:

a) Em que elementos se basearam o IBGE para efetuar a primeira divisão regional do Brasil na década de 40?
b) Por que esse critério foi mudado?
c) Milton Santos e Maria Laura Silveira, sugerem uma regionalização, a chamando de quatro Brasis. Dê o nome das regiões e as caracterize.

4) Complete a palavra cruzada.

             R_ _ _ _ _ _ _ _ Região formada por Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná
  _ _ _ _E_ _ _ Região com maior número de estados
             G_ _ _ _ Um dos estados brasileiro que se limita com maior número de regiões
             I_ _ _ Instituto brasileiro de geografia estatísticas
  _ _ _ _O_ _ _ _ _ _ _Divisão do espaço ou território em áreas c/ características que as individualizam
             N_ _ _ _ Região cortada pela linha do Equador
             A_ _ _ _ Estado do norte que é banhado pelo Oceano Atlântico
           _L_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ Critérios atribuídos para a 1ª divisão regional do IBGE
        _ _I_ _ Um dos aspectos naturais atribuídos na primeira divisão
    _ _ _ Z_ _ _ _ Complexo regional com menor números de habitantes
  _ _ _ _A_ _ Critério utilizado na 2ª regionalização
             Ç
            Ã
_ _ _ _ _ _ - O_ _ _ _ Única região brasileira que não possui litoral

3 comentários:

  1. eu sou uma criança não quero explicação de faculdade, van colocar coisas que ajudem crianças a pesquisarem,estudarem para uma prova coisas que crianças possem procurar e dizer o ta qui nesse site aqui emfim

    ResponderExcluir
  2. meu professor de geografia pegou esse texto com essa atividade para a nossa escola

    ResponderExcluir
  3. Bom gostei muito, me ajudou bastante, mas, se pudesse escrever com uma linguagem mais fácil, seria bem melhor... Mas mesmo assim gostei! O trabalho que eu fiz foi sobre a regionalização a partir de Milton Santos...
    Valeu...!

    ResponderExcluir